Cicloturismo - Roteiros Nacionais


A Seledon Turismo oferece diversas opções de roteiros para sua cicloviagem. A região onde mais operamos é a do Vale Europeu, onde estamos sediados. Nela, oferecemos pacotes para a chamada Parte Baixa do Vale Europeu, para a Parte Alta, bem como para o roteiro completo do circuito. 

Nossas operações incluem ainda: Urubici - na Serra Catarinense; Circuito Araucárias - na região norte de Santa Catarina; Litoral sul de Santa Catarina; Charmes do Sul - nosso roteiro na Serra Gaúcha; Roteiro das Cervejas - nosso roteiro no Vale Europeu, por caminhos diferentes do tradicional circuito, com o objetivo de visitar cervejarias e degustar boas cervejas; e Cânions, em Cambará do Sul, no Rio Grande do Sul - Região dos fantásticos cânions Itaimbézinho, Fortaleza e outros. No Vale Europeu temos operações mensais, e nos demais roteiros, as operações são com menos frequencia. 

Trabalhamos com a opção de Grupos Abertos - onde nós determinamos o roteiro, data, e serviços, e vendemos para todos os interessados em participar do grupo; bem como a opção de Grupo Fechado, onde o cliente determina o roteiro, data, quantas e quais pessoas participam e quais serviços que gostaria de contratar, e nós personalizamos o pacote.
 

Agora é só escolher o roteiro de sua preferência, e agendar conosco: 


 

 

AGENDA

 - Cicloturismo em Urubici - GRUPO FECHADO - Janeiro - 2021


Programação: 
Data: 1 de janeiro de 2021.
Duração do roteiro: 6 dias, 7 pernoites.

Percurso total aproximado: 209 km - Subida acumulada aproximada: 3.260 metros

Consulte-nos para outras datas

Dia 1 de janeiro
Chegada aeroporto de Florianópolis
Transfer para Urubici

Dia 2 de janeiro
Montagem das bikes
Pedal na região do Avencal
Visita às inscrições rupestres, belvedere e topo da cachoeira do Avencal.
Opção de tirolesa.
Distância a percorrer: 22km - Elevação acumulada do dia: 500 metros.
 
Dia 3 de janeiro
Pedal no Invernador e Serra do Corvo Branco - livre para descer um trecho do Corvo Branco e despois subir.
Distância a percorrer: 60km - Elevação acumulada do dia: 600 metros. 
 
Dia 4 de janeiro 
Pedal no Morro da Igreja (Topo do morro da igreja, descida Serra dos Bitus e banho no rio Urubici ao final - ou descida pelo asfalto, como o grupo preferir).
Distância a percorrer: 55km - Elevação acumulada do dia: 1.300 metros.
 
Dia 5 de janeiro 
Dia do passeio no mirante da Serra do Rio do Rastro e vinícola em São Joaquim. 
Descontração e descanso.
 
Dia 6 de janeiro
Pedal do São Francisco + Morro do Campestre.
Distância a percorrer: 37km - Elevação acumulada do dia: 360 metros.

Dia 7 de janeiro
Trilha de teres-anta.
Distância a percorrer: 35km - Elevação acumulada do dia: 550 metros.

Dia 8 de janeiro
Transfer para Florianópolis.
Voos para depois das 17h30.

Serviços inclusos:
Hospedagem: sete pernoites, em acomodações duplas, com café da manhã, na Pousada das Flores: pousadadasfloresurub.websiteseguro.com
Bebidas e frutas: água e frutas disponíveis em todo o percurso.
Carro de apoio: acompanhamento em todo o percurso, com suporte para as bikes e material de reparo rápido para as bikes.
Almoço: lanches reforçados, servidos diariamente, no estilo piquenique.
Condutor: dois condutores capacitados e experientes, acompanhando de bicicleta todo o percurso.
Entrada na Cachoeira do Avencal.
Entrada na Vinícola de São Joaquim.
Entrada no moro do Campestre.
Visitação nas inscrições rupestres.
Seguro: seguro de acidentes pessoais.
Traslado: deslocamento Florianópolis / Urubici / Florianópolis, e os demais necessários para a realização da atividade.*
*O traslado será realizado em um único horário, a ser decidido pelo grupo. Traslado adicionais, serão cobrados a parte. 

Serviço opcional:
Locação de Bike.

Não incluso:
Aéreo.
Bebidas.
Alimentação.

Valores para um grupo de oito pessoas:
- R$ 3.370,00 por pessoa em acomodação tripla.
- R$ 3.480,00 por pessoa em acomodação dupla.
- R$ 3.915,00 por pessoa em acomodação individual.

Formas de pagamento:
- À vista, via boleto ou transferência bancária, ou
- Parcelado no número de meses que faltam para a realização da atividade, sem juros, via boleto bancário, ou ainda
- 40% no ato da reserva, via boleto ou transferência bancária, e 60%, em dinheiro, no momento do check-in.

Fique por dentro da nossa Política de Cancelamento, clique aqui.
VAGAS LIMITADAS
Grupo mínimo de 8 participantes para a realização da atividade - consulte a possibilidade de grupos menores, com valores adequados.
A reserva somente estará garantida mediante o pagamento e envio da Ficha de Inscrição devidamente preenchida.
Para outras datas e/ou roteiros personalizados, entre em contato conosco.

 

Urubici é um município do estado de Santa Catarina, no Brasil. Um dos mais bonitos e o mais tradicional destino da Serra Catarinense. O município está localizado a uma altitude de 915 metros e possui uma área de 1.019,1 km². No cume do Morro da Igreja (1.822 metros), o ponto mais alto habitado do sul do Brasil, localizado no município, foi registrada, extra-oficialmente, a temperatura mais baixa do país: −17,8°C, em 29 de junho de 1996. Urubici também é conhecida pelas suas diversas belezas naturais, estando incluída no Caminho das Neves.

Localizada no fértil Vale do Rio Canoas, Urubici, a Terra das Hortaliças, é o maior produtor de hortifrutigranjeiros de Santa Catarina. Também se destaca pelo cultivo de maçã, especialmente com a variedade gala, considerada a melhor de toda a região serrana. Outro aspecto importante é o cultivo de erva-mate, produto básico do tradicional chimarrão, e apreciado nos países do Mercosul. Com paisagens muitas vezes comparada à Europa, Urubici está situada no ponto mais elevado de Santa Catarina. Inúmeras as cascatas revelam o respeito que a população local tem por sua terra, percebido pela preservação desses locais de grande beleza. Um exemplo é a Cachoeira do Avencal, com água despencando em queda-livre a mais de 100 metros de altura.

Outro local de destaque é o Morro da Igreja, com 1.822 metros de altitude. Nesse morro, chama a atenção a Pedra Furada, uma verdadeira escultura natural em forma de janela, ligando formações rochosas a exuberantes e preservadas matas nativas. Outros atrativos turísticos são as inscrições rupestres dos tempos das cavernas, na Serra do Corvo Branco, a Gruta Nossa Senhora de Lourdes e a Igreja Matriz Nossa Senhora Mãe dos Homens.